Sempre te elogie!

Você já se elogiou hoje?
Elogie sua inteligência, sua integridade, suas conquistas e sua coragem! Elogie tudo que te faz ser quem você é, e faça isso todos os dias!

Depois do avch, por alguns dias não consegui me olhar no espelho 梁 não me reconhecia, tinha medo do que via… realmente era outra Dani…. uma mulher fraca, magra, com uma cicatriz que ia de uma orelha a outra.
Foi um episódio triste em minha vida, que sempre vou lembrar, e ter orgulho da mulher que sou hoje!

Os profissionais da saúde, tiveram um longo trabalho comigo; fono, terapeuta, entre outros…. eles foram meus ‘heróis’
Reconheço que sou única e incrível nas minhas capacidades e também em minhas limitações depois do Avch! Limitações?
Sim, mas dou um jeito de enfrentar todas elas todos os dias…
E eu sou capaz, e isso é o suficiente!

Ei, tudo vai passar. Se acalme e faça oque precisa ser feito! Ahh, e não se esqueça de se elogiar hein!
#vidaquesegue #supere #confiança #avchemorragico #avch #avc

Confie sempre em você!

Confia no poder que você tem, para transformar a sua história…
Depois do Avch, começam a fono, fisio e terapias ocupacionais.
É um trabalho cansativo, e muitas vezes estressante no início. Eu não sabia ler, falar e isso me deixava irritada. Mas não parei, eu gostava de ir no centro de reabilitação, pois tinham pessoas que também haviam sofrido um Avch (aneurisma)
Meses depois, comecei a ver os resultados.

Vi minha marcha melhorar, comecei a pronunciar minhas primeiras palavras, comecei a usar o banheiro sozinha. Depois disso, foram inúmeras vitórias até aqui!

Temos que ter muita força, não apenas força muscular….força de vontade, de vencer!
No comecinho, foi muito difícil. Algumas pessoas me falaram, que eu era preguiçosa e eu não queria melhorar. Bom, só quem sofreu um Avc/Avch sabe que não é tão simples e fácil, começar a fazer as coisas depois de dele. Isso exige muito de nós.

Hoje, quase 8 anos depois consigo fazer meus exercícios.
Eu aprendi a apreciar cada passo, cada conquista, pois só EU sei o quanto foi difícil minha caminhada até aqui.

Mas o grande segredo é “NÃO DESISTIR” Não importa o tempo que leve; se importe com os desafios que você vai ter pela frente!! Não há nada neste mundo que uma pessoa determinada não consiga conquistar.
Abrace seu processo, e apenas siga!
Você vai se orgulhar por ter seguido adiante!

Viver e sentir…

Eu amo muitas coisas nesse mundo, mas com certeza, me manter em movimento ganha de algumas outras! Esses dias, o frio me derrubou… andei tomando medicações fortes para controlar as dores de cabeça, que foram prescritas pelo médico.
Hoje pela manhã, meu marido me disse – preciso ir no posto de saúde, para tomar a vacina da gripe, vamos comigo? Eu respondi – tá bom, mas vamos de bicicleta? Tá frio, mas vamos esquentar.

Viver e sentir
Sentir, da sentido pra vida! Eu adoro fazer a vida ter sentido! Uma das coisas que me dá força, é ajudar as pessoas a entender, e enfrentar as sequelas do Avch. E quem sabe, elas encontrarem um sentido e alegria de viver depois dele.
Sobreviver a um Avch não é fácil, muitas das pessoas vão ter preconceito pelas sequelas deixadas por ele! Todos os dias tento mostrar que o Avch em minha vida é passado, e se vou passar por mais algum procedimento cirurgico, não vou ficar preocupada com isso…. só vou me preocupar quando chegar o dia e a hora!

Ahh, as dores…. com a medicação certa, ficar quieta por uns 2 ou 3 dias, já posso fazer oque amo! Me movimentar!
Hoje aqui em Campinas SP, fez muito frio. Mas com algumas pedaladas acabei esquentando!

E você? O que da sentido para a sua vida? Compartilha comigo!

Qualidade de vida após o Avch.

Depois da alta da primeira cirurgia, vim pra casa muito magra pesando apenas 55 kilos. A rotina foi tomando fôlego, comecei a falar e a andar algum tempo depois.
No começo tive algumas convulsões e foi preciso tomar medicamentos para controlar. E eles me deixaram inchada. Junto disso, veio a depressão por não ainda não aceitar o ocorrido. Foi uma sensação de perda de vida.
Foi praticamente um reset da noite para o dia.
Fiquei por algum tempo cuidando da depressão e das convulsões, e fazendo acompanhamento com psicólogo. Isso durou quase 2 anos.

As medicações com a ajuda dos médicos começaram a fazer efeito. O neuro, foi tirando aos poucos o remédio pra depressão. Um dia na consulta, a Dra me disse. As medicações pra depressão não existe mais, seu marido me ajudou a te tirar.
Como era ele que me dava as medicações, nem percebi!
Nesta fase, meu manequim já era 50.
Na foto de vestido, era um uma comemoração de 1 ano de sobrevivência, que em dezembro já vai pra 8 anos.

Comecei a malhar há quase 2 anos, e mesmo com a pandemia faço meus exercícios em casa. Ainda não me sinto segura na academia, logo tomo a 2 dose da vacina e penso em voltar.
Estou fazendo isso por mim e pra é ter mais qualidade de vida.
Ah, não me sinto tímida ou envergonhada em em ter algumas (porpetas rs) oque importa pra mim, é que consegui chegar até aqui com algumas cicatrizes de vitórias!

Sou uma sobrevivente que luta todos os dias contra as sequelas do Avch 👊
Não desista, sempre falo isso- a vitória é logo ali!! ACREDITE em você!

Vivendo e vencendo

Enquanto você não olhar e encarar de frente a sua realidade, levantar a cabeça e enfrentar o mundo, nunca saberá quão grande é a sua força!
Passei por inúmeros momentos difíceis com relação ao Avch, e até hoje ele me ensina.
Quando se tem uma lesão cerebral, precisamos ter muita calma e aprender todos os dias a domar as sequelas.

É engraçado notar que somos mais fortes do que imaginávamos, é gratificante olhar pra traz e ver que os sofrimentos me deixaram mais forte!
Foi assustador, e sei que ainda não acabou e que vou precisar fazer mais procedimentos cirurgicos. Hoje não me assusta, pois sei oque tenho que fazer quando chegar a hora.
Aprendi a não sofrer por antecedência!! E que Deus sempre esteve e está comigo!

Enquanto isso, a gente vai vivendo e vencendo nossos desafios diários, com alegria e orgulho de estar fazendo tudo de melhor para minha saúde e bem estar!!

Minha vista depois do Avch

Minha vista, não ficou das melhores depois da doença. Como vai fazer 8 anos do rompimento do aneurisma, acabei me acostumando com a vista (ruim) e não dei tanta importância; já que sempre tinha algum procedimento ou intervenção cirurgica para cuidar da cabeça.

Enxergo quase tudo normal depois do acidente; mas na vista direita, que foi o lado do aneurisma rompido enxergo triplicado, e não tenho noção da profundidade e extensão. Exemplo – escada, não sei qual é o fim dela, preciso ficar atenta pra não cair.
E mesmo sendo assim, levo uma vida normal.
Conversei com o Neuro, e ele me encaminhou pra um oftalmologista 👨🏻‍⚕️
Hoje, foi a primeira consulta com a equipe de lá. Ainda vou precisar dos óculos, mas os graus não subiram. O médico pediu um exame mais a fundo, uma tomografia ocular.

Pra quem me acompanha aqui, sabe que sempre posto coisas que acontecem comigo no tratamento. Sei que meus olhos não estão ‘bonitos’ mas é assim que é!
Nesta hora, não estava enxergando nada. Meu marido pegou o celular e tirou a foto. E ele estava rindo muito! Chorei até laranja (era o colirio).
E isso é muito importante e gratificante pra mim é para ele, que já aprendemos muito com minhas idas ao hospital!!

Por fim, nunca abandone seu tratamento, vá pra cima, que tudo tem jeito!

oftalmologista #diademedico #avch #avc #aceitação #maridao #casalcareca #superação #mulhercareca

Meu equilíbrio

Esse é meu marido! Que filma é tira as fotos!

O processo depois do Avc/Avch é trabalhoso, cansativo e muitas vezes estressante. Mas também é revelador, fortalecedor e satisfatório.

Recuperar o equilíbrio foi muito difícil. Quando eu coloco o patins nos pés, me lembro de quando era uma criança/adolescente! Essas lembranças, hoje trazem impulso para continuar minha caminhada!

Eu procuro comemorar cada conquista, mesmo que pequena! Experimente você também comemorar cada uma delas!
Reflita seus sucessos, reflita sobre seus tropeços; porque no final, oque realmente fica, são as memórias da sua trajetória e os frutos da sua história.
Confie em você! A confiança em si, terá uma postura positiva em relação às suas próprias capacidades e terá mais força, para suportar as dificuldades que aparecerem no caminho!
Em tudo oque for fazer na sua reabilitação, faça com confiança! ACREDITE!

A sensação de tudo que eu fiz para me recuperar das sequelas do Avch, me mostra que fui mais forte do que aquela dor de cabeça que senti a quase 8 anos atrás. tenho conseguido mostrar ao meu corpo que conseguimos!

confiança #otimismo #depoisdoavc #foconoobjetivo #superação #euconsegui #patins #patinsinline #patinadores

A confiança!

Conquistar a alto confiança, é uma das principais vias para o sucesso em muitos sentidos da vida!!

A confiança em si mesmo, trará uma postura positiva em relação às suas capacidades, e te dará mais força para suportar as dificuldades que aparecerem em seu caminho!
Em tudo oque for fazer, tenha autoconfiança!

Que não nos falte coragem e nem fé para realizarmos nossos sonhos.

Hoje, 2 meses depois que comecei a patinar ‘levei meu primeiro tombo” caí de bum bum no chão rs!!
Dei tanta risada, porque disse ao meu marido que não ia cair! Agora estou aqui, escrevendo deitada no sofá com dor, e já pensando na próximo dia para patinar!

Eu nunca me perguntei se meus sonhos eram possíveis; e sim se eles eram suficientes para que eu pudesse realizá-los!

Meu marido sempre comigo, disposto a me apoiar!

patins #patinsinline #superação #depoisdoavc #coragem #foconoobjetivo

👨🏻‍🦲🧠

RELATOS DE UMA CAREQUINHA

#REPOST @world_dascarecas

Normalmente os olhares pra mim na rua são tipo: ou tá doente ou é doida.

Sou sobrevivente de 4 aneurismas cerebrais e 6 cirurgias na cabeça! Não era pra ter sobrevido ao rompimento do primeiro aneurisma. Mas aqui estou mostrando meu milagre e alto confiança em mim mesma!

Em nossa sociedade o cabelo é sinônimo de feminilidade, e para algumas mulheres acaba se tornando uma prisão!!

Estou feliz e alegre com minha careca. Nunca me senti tão a vontade como me sinto agora.
Hoje, tento ajudar as pessoas que tiveram a doença e ainda vão passar pela cirurgia. E isso é muito gratificante!
Ainda sigo em tratamento, por isso da minha careca! Quem sabe num futuro distante, deixo crescer!

Se aqueça!

O Avc/Avch e o frio!

É nesta época do ano, o “inverno” que minha cabeça dói mais!
O lado sequelado dói mais doque o normal.

Há quase 8 anos, sofro com as quedas na temperatura. Mas, consigo e posso fazer com que elas sejam menores.
Me agasalhando (meias, e tocas)
Me movimentando (fazendo alongamentos e exercícios)
Tomando uma bebida quente (amo chá), e no jantar aquele caldo quente no jantar.
Sem esquecer do remedio que o médico me orientou (nunca tome medicação sem a orientação do seu médico hein!; pode ser perigoso!)

Todos que sofremos um Avc/Avch sabemos que não é fácil passar pelo inverno. Mas com alguns cuidados, podemos passar com menos dores!

E lá vamos nós pra mais um inverno e com a touca (meu xodó) presente do marido, que sempre me fez companhia nos invernos, depois do Avch!